07 DE AGOSTO - QUARTA-FEIRA - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"extra Ecclesiam nulla salus"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
VATICAN NEWS
Pesquisa rápida
Liturgia Diária
4ª-FEIRA DA 18ª SEMANA DO TEMPO COMUM
COR LITÚRGICA: VERDE

1a Leitura - Nm 13,1-2.25-14,1.26-29

Desprezaram uma terra de delícias

Leitura do Livro dos Números 13, 1-2. 25-14, 1. 26-29
Naqueles dias:
1 O Senhor falou a Moisés, no deserto de Faran, dizendo:
2 'Envia alguns homens para explorar a terra de Canaã, que vou dar aos filhos de Israel. Enviarás um homem de cada tribo, e que todos sejam chefes'.
25 Ao fim de quarenta dias, eles voltaram do reconhecimento do país,
26 e apresentaram-se a Moisés, a Aarão e a toda a comunidade dos filhos de Israel, em Cades, no deserto de Fará. E, falando a eles e a toda a comunidade, mostraram os frutos da terra,
27 e fizeram a sua narração, dizendo: 'Entramos no país, ao qual nos enviastes, que de fato é uma terra onde corre leite e mel, como se pode reconhecer por estes frutos.
28 Porém, os habitantes são fortíssimos, e as cidades grandes e fortificadas. Vimos lá descendentes de Enac;
29 os amalecitas vivem no deserto do Negueb; os hititas, jebuseus e amorreus, nas montanhas; mas os cananeus, na costa marítima e ao longo do Jordão'.
30 Entretanto Caleb, para acalmar o povo revoltado, que se levantava contra Moisés, disse: 'Subamos e conquistemos a terra, pois somos capazes de fazê-lo'.
31 Mas os homens que tinham ido com ele disseram: 'Não podemos enfrentar esse povo, porque é mais forte do que nós'.
32 E, diante dos filhos de Israel, começaram a difamar a terra que haviam explorado, dizendo: 'A terra que fomos explorar é uma terra que devora os seus habitantes: o povo que aí vimos é de estatura extraordinária.
33 Lá vimos gigantes, filhos de Enac, da raça dos gigantes; comparados com eles parecíamos gafanhotos'.
14, 1 Então, toda a comunidade começou a gritar, e passou aquela noite chorando.
26 O Senhor falou a Moisés e Aarão, e disse:
27 'Até quando vai murmurar contra mim esta comunidade perversa? Eu ouvi as queixas dos filhos de Israel.
28 Dize-lhes, pois: 'Por minha vida, diz o Senhor, juro que vos farei assim como vos ouvi dizer!
29 Neste deserto ficarão estendidos os vossos cadáveres. Todos vós que fostes recenseados, da idade de vinte anos para cima, e que murmurastes contra mim,
34 Carregareis vossa culpa durante quarenta anos, que correspondem aos quarenta dias em que explorastes a terra, isto é, um ano para cada dia; e experimentareis a minha vingança'.
35 Eu, o Senhor, assim como disse, assim o farei com toda essa comunidade perversa, que se insurgiu contra mim: nesta solidão será consumida e morrerá'.
Palavra do Senhor.
 
Salmo - Sl 105,6-7a. 13-14. 21-22. 23 (R. 4a)
 
R. Lembrai-vos de nós, ó Senhor, segundo o amor para com vosso povo!
R. Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia.
 
6 Pecamos como outrora nossos pais, / praticamos a maldade e fomos ímpios;
7 ano Egito nossos pais não se importaram / com os vossos admiráveis grandes feitos.
R.
 
13 Mas bem depressa esqueceram suas obras, / não confiaram nos projetos do Senhor.
14 No deserto deram largas à cobiça, / na solidão eles tentaram o Senhor.
R.
 
21 Esqueceram-se do Deus que os salvara, / que fizera maravilhas no Egito;
22 no país de Cam fez tantas obras admiráveis, / no Mar Vermelho, tantas coisas assombrosas.
R.
 
23 Até pensava em acabar com sua raça, / não se tivesse Moisés, o seu eleito, /
interposto, intercedendo junto a ele, /
para impedir que sua ira os destruísse.
R.
 
Evangelho - Mt 15,21-28
 
Mulher, grande é a tua fé!

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 15, 21-28
Naquele tempo:
21 Jesus foi para a região de Tiro e Sidônia.
22 Eis que uma mulher cananéia, vindo daquela região, pôs-se a gritar: 'Senhor, filho de Davi, tem piedade de mim: minha filha está cruelmente atormentada por um demônio!'
23 Mas, Jesus não lhe respondeu palavra alguma. Então seus discípulos aproximaram-se e lhe pediram: 'Manda embora essa mulher, pois ela vem gritando atrás de nós. '
24 Jesus respondeu: 'Eu fui enviado somente às ovelhas perdidas da casa de Israel. '
25 Mas, a mulher, aproximando-se, prostrou-se diante de Jesus, e começou a implorar: 'Senhor, socorre-me!'
26 Jesus lhe disse: 'Não fica bem tirar o pão dos filhos para jogá-lo aos cachorrinhos. '
27 A mulher insistiu: 'É verdade, Senhor; mas os cachorrinhos também comem as migalhas que caem da mesa de seus donos!'
28 Diante disso, Jesus lhe disse: 'Mulher, grande é a tua fé! Seja feito como tu queres!' E desde aquele momento sua filha ficou curada.
Palavra da Salvação.





SÃO CAETANO, PRESB. - SANTORAL
 
1a Leitura - Sb 3,1-9
 
Foram aceitos como ofertas de holocausto.

Leitura do Livro da Sabedoria 3, 1-9
1 A vida dos justos está nas mãos de Deus, e nenhum tormento os atingirá.
2 Aos olhos dos insensatos parecem ter morrido; sua saída do mundo foi considerada uma desgraça,
3 e sua partida do meio de nós, uma destruição; mas eles estão em paz.
4 Aos olhos dos homens parecem ter sido castigados, mas sua esperança é cheia de imortalidade;
5 tendo sofrido leves correções, serão cumulados de grandes bens, porque Deus os pôs à prova e os achou dignos de si.
6 Provou-os como se prova o ouro no fogo e aceitou-os como ofertas de holocausto;
7 no dia do seu julgamento hão de brilhar, correndo como centelhas no meio da palha;
8 vão julgar as nações e dominar os povos, e o Senhor reinará sobre eles para sempre.
9 Os que nele confiam compreenderão a verdade, e os que perseveram no amor ficarão junto dele, porque a graça e a misericórdia são para seus eleitos.
Palavra do Senhor.
 
Salmo - Sl 125(126),1-2ab.2cd-3.4-5.6 (R.5)
 
R. Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.

1 Quando o Senhor reconduziu nossos cativos, / parecíamos sonhar;
2 aencheu-se de sorriso nossa boca, / 2bnossos lábios, de canções.
R.
 
2c Entre os gentios se dizia: 'Maravilhas
2d fez com eles o Senhor!'
3 Sim, maravilhas fez conosco o Senhor, /
exultemos de alegria!
R.
 
4 Mudai a nossa sorte, ó Senhor, /
como torrentes no deserto.
5 Os que lançam as sementes entre lágrimas, /
ceifarão com alegria.
R.
 
6 Chorando de tristeza sairão, / espalhando suas sementes; /
cantando de alegria voltarão, / carregando os seus feixes!
R.
 
Evangelho - Mt 10,28-33
 
Naquele tempo disse Jesus aos seus apóstolos:
 
28 'Não tenhais medo daqueles que matam o corpo, mas não podem matar a alma! Pelo contrário, temei aquele que pode destruir a alma e o corpo no inferno!
29Não se vendem dois pardais por algumas moedas? No entanto, nenhum deles cai no chão sem o consentimento do vosso Pai.
30 Quanto a vós, até os cabelos da cabeça estão todos contados.
3l Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais.
32 Portanto, todo aquele que se declarar a meu favor diante dos homens, também eu me declararei em favor dele diante do meu Pai que está nos céus.
33 Aquele, porém, que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante do meu Pai que está nos céus'.
Palavra da Salvação.





Fonte: Youtube RS21
Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)

“Lembrai-visse nos, ó Senhor, segundo o amor para com vosso povo.”
Mt  15, 21-28

Na mentalidade judaica, da qual participavam os apóstolos, o Reino era somente para Israel. Era uma mentalidade estreita e excludente para a comunidade cristã. Essa tendência dificultava a participação dos não judeus. Alguns líderes com posturas rígidas se apoiavam em palavras de Jesus, tiradas de seu contexto para justificar suas posturas: “Eu fui enviado somente para as ovelhas perdidas da casa de Israel.”

Uma mulher do odiado povo cananeu, vai contribuir para a derrubada deste modo de pensar preconceituoso.

Ela pede um favor para sua filha. Não se conforma com o primeiro não; passa por cima da linguagem preconceituosa que os  considerava como cachorrinhos. Ela consegue uma brecha nas palavras de Jesus. Pede apenas as migalhas perdidas que os cachorrinhos comem. É sua fé triunfou!

A catequese evangélica retoma a afirmação de Jesus e dá uma outra interpretação. Jesus reconhece a grandeza da fé da mulher Cananéia e apressa em atender o seu pedido. Sua filha foi curada e ela entrou na dinâmica do Reino. Jesus fez o bem para quem não era da casa de Israel.

O Reino de Deus é de todos! Sem privilegiados. Tudo depende da acolhida da Palavra de Deus e da disposição de praticá-la.

O Reino é sem fronteiras, aberto a todos os povos e tempos. Ensina, Jesus: Peçam para receber. A mulher Cananéia tornou-se um bom exemplo de fé.

Rezemos: Senhor, livra meu coração de todo preconceito. Quero servir quem precisar e onde for preciso.

Deus abençoe você é sua família.
Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe seu novo dia. Uma quarta-feira feliz e abençoada com toda sorte de bençãos físicas e espirituais. Como sempre...comece o seu dia numa atitude de gratidão a Deus pela vida, família, natureza...tudo é dom, tudo é graça. Lembre-se: quem não sabe agradecer...nem sequer merece receber, não é mesmo? Então agradeça sempre e se prepare para receber todas as bençãos que Deus tem reservado para a sua vida.

“Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos”.
(Provérbios 16,3)

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm







FEVEREIRO
DOM
SEG
TER
QUA
QUI
SEX
SÁB





1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
181920212223
2425262728

- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo