17 de outubro de 2018 - Liturgia Católica Apostólica Romana

www.liturgiacatolica.com
www.liturgiacatolica.com
Ir para o conteúdo

17 de outubro de 2018

LITURGIA DIÁRIA > 2018 > OUTUBRO

4ª-feira da 28ª Semana do Tempo Comum
17 de Outubro de 2018
Sto. Inácio de Antioquia, BMt., memória.
Cor: Vermelho



1ª Leitura - Gl 5,18-25

Os que pertencem a Jesus Cristo
crucificaram a carne com suas paixões.

Leitura da Carta de São Paulo aos Gálatas 5,18-25

Irmãos:
18 Se sois conduzidos pelo Espírito, então não estais sob o jugo da Lei.
19 São bem conhecidas as obras da carne: fornicação, libertinagem, devassidão,
20 idolatria, feitiçaria, inimizades, contendas, ciúmes, iras, intrigas, discórdias, facções,
21 invejas, bebedeiras, orgias, e coisas semelhantes a estas. Eu vos previno, como aliás já o fiz: os que praticam essas coisas não herdarão o reino de Deus.
22 Porém, o fruto do Espírito é: caridade, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, lealdade,
23 mansidão, continência. Contra estas coisas não existe lei.
24 Os que pertencem a Jesus Cristo crucificaram a carne com suas paixões e seus maus desejos.
25 Se vivemos pelo Espírito, procedamos também segundo o Espírito, corretamente.
Palavra do Senhor.



Salmo - Sl 1,1-2. 3. 4.6 (R. Cf. Jo 8,12)

R. Senhor, quem vos seguir, terá a luz da vida!

1Feliz é todo aquele que não anda *
conforme os conselhos dos perversos;
que não entra no caminho dos malvados, *
nem junto aos zombadores vai sentar-se;
2mas encontra seu prazer na lei de Deus *
e a medita, dia e noite, sem cessar.R.

3Eis que ele é semelhante a uma árvore *
que à beira da torrente está plantada;
ela sempre dá seus frutos a seu tempo, +
e jamais as suas folhas vão murchar. *
Eis que tudo o que ele faz vai prosperar,R.

4mas bem outra é a sorte dos perversos. +
Ao contrário, são iguais à palha seca *
espalhada e dispersada pelo vento.
6Pois Deus vigia o caminho dos eleitos, *
mas a estrada dos malvados leva à morte.R.



Evangelho - Lc 11,42-46

Aí de vós, fariseus;
ai de vós também, mestres da Lei.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,42-46

Naquele tempo, disse o Senhor:
42 Aí de vós, fariseus, porque pagais o dízimo da hortelã, da arruda e de todas as outras ervas, mas deixais de lado a justiça e o amor de Deus. Vós deveríeis praticar isso, sem deixar de lado aquilo.
43 Aí de vós, fariseus, porque gostais do lugar de honra nas sinagogas, e de serdes cumprimentados nas praças públicas.
44 Aí de vós, porque sois como túmulos que não se vêem, sobre os quais os homens andam sem saber.'
45 Um mestre da Lei tomou a palavra e disse: 'Mestre, falando assim, insultas-nos também a nós!'
46 Jesus respondeu: 'Ai de vós também, mestres da Lei, porque colocais sobre os homens cargas insuportáveis, e vós mesmos não tocais nessas cargas, nem com um só dedo.
Palavra da Salvação.




REFLEXÃO - PADRE JOÃO LUÍS FÁVERO


EM BREVE A REFLEXÃO DE

Padre João Luiz Fávero
Paróquia Nossa Senhora das Dores
Cambuí - Campinas - SP

REFLEXÃO - FREI RINALDO STECANELLA, OSM


EM BREVE A REFLEXÃO DE

Frei Rinaldo, osm

PUBLICIDADE
Voltar para o conteúdo