2019 - MARÇO - 27 - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

- SOMENTE EVANGELHO, SEM POLÍTICA -
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
PROPÓSITO QUARESMAL
QUARTA-FEIRA, 27 DE MARÇO DE 2019 - 22º DIA
"Rezarei ao menos um Terço hoje, contemplando com devoção os Mistérios"
VATICAN NEWS - ESPAÑOL
NOTICIÁRIO DO VATICANO







4ª-FEIRA DA 3ª SEMANA – QUARESMA

Cumpri e praticai as leis e decretos.

Leitura do Livro do Deuteronômio 4,1.5-9

Moisés falou ao povo, dizendo:
1‘Agora, Israel, ouve as leis e os decretos
que eu vos ensino a cumprir,
para que, fazendo-o, vivais
e entreis na posse da terra prometida
que o Senhor Deus de vossos pais vos vai dar.
5Eis que vos ensinei leis e decretos
conforme o Senhor meu Deus me ordenou,
para que os pratiqueis na terra em que ides entrar
e da qual tomareis posse.
6Vós os guardareis, pois, e os poreis em prática,
porque neles está vossa sabedoria
e inteligência perante os povos,
para que, ouvindo todas estas leis, digam:
‘Na verdade, é sábia e inteligente esta grande nação!
7Pois, qual é a grande nação
cujos deuses lhe são tão próximos
como o Senhor nosso Deus,
sempre que o invocamos?
8E que nação haverá tão grande
que tenha leis e decretos tão justos,
como esta lei que hoje vos ponho diante dos olhos?
9Mas toma cuidado!
Procura com grande zelo não te esqueceres
de tudo o que viste com os próprios olhos,
e nada deixes escapar do teu coração
por todos os dias de tua vida;
antes, ensina-o a teus filhos e netos.
Palavra do Senhor.


R. Glorifica o Senhor, Jerusalém!

12Glorifica o Senhor, Jerusalém!*
Ó Sião, canta louvores ao teu Deus!
13Pois reforçou com segurança as tuas portas,*
e os teus filhos em teu seio abençoou.
R.

15Ele envia suas ordens para a terra,*
e a palavra que ele diz corre veloz.
16ele faz cair a neve como a lã *
e espalha a geada como cinza.
R.

19Anuncia a Jacó sua palavra,*
seus preceitos suas leis a Israel.
20Nenhum povo recebeu tanto carinho,*
a nenhum outro revelou os seus preceitos.
R.

Aquele que praticar e ensinar os mandamentos,
este será considerado grande.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5,17-19

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
17Não penseis que vim abolir a Lei e os Profetas.
Não vim para abolir,
mas para dar-lhes pleno cumprimento.
18Em verdade, eu vos digo:
antes que o céu e a terra deixem de existir,
nem uma só letra ou vírgula serão tiradas da Lei,
sem que tudo se cumpra.
l9Portanto, quem desobedecer
a um só destes mandamentos, por menor que seja,
e ensinar os outros a fazerem o mesmo,
será considerado o menor no Reino dos Céus.
Porém, quem os praticar e ensinar
será considerado grande no Reino dos Céus.
Palavra da Salvação.




REFLEXÃO - MARIA NAZARÉ LINS BARBOSA


22º dia

“Eu quis misericórdia” (Sl 50).

O Senhor nos insiste em que não julguemos as pessoas: “Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados. Sede misericordiosos” (Mt 7,1; Lc 6,36).

Mas “corrigir ao que erra” é uma autêntica “obra de misericórdia”, vivamente recomendada pelo Senhor: “Se teu irmão pecar, corrige-o a sós”(Mt 18,15). Senhor, como pai, como mãe, como amigo, como irmão, sei que é preciso corrigir, embora seja mais cômodo se omitir, pois é difícil corrigir com mansidão e com senso de oportunidade.

Bem dizia São Josemaria: “Não repreen- das quando sentes a indignação pela falta cometida. - Espera pelo dia seguinte, ou mais tempo ainda. - E depois, tranqüilo    e com a intenção purificada, não deixes de repreender. -Conseguirás mais com uma palavra afetuosa do que com três horas de briga. - Modera o teu gênio” (Caminho, n. 10).

Oração: Ajuda- me, Senhor, no dia a dia a ponderar no coração - especialmente quando é preciso corrigir alguém - o que convém que eu fale, o que convém que eu cale, o que convém que eu ouça. Que nessa Quaresma eu avance na vivência da misericórdia ao corrigir; e saiba agradecer as correções que recebo, mesmo que em um pri- meiro momento me caiam mal, ou venham de mau jeito. Amém.



REFLEXÃO - PADRE JOÃO LUÍS FÁVERO - CAMPINAS


“Glorifica o Senhor, Jerusalém!”
Mt 5, 17-19

Jesus não despreza e nem veio derrubar por terra a herança do passado, a herança do Primeiro Testamento, mas insiste na necessidade de suplantá-la. Ele vai lembrar: “Vocês ouviram o que foi dito aos antigos, eu porem digo...”.

Não veio para suprimir a Antiga Aliança, mas para cumpri-la fiel e totalmente. Jesus é o ponto de encontro do Antigo e o Novo Testamento. Ao dizer que veio realizar toda a Lei e os Profetas, Ele se refere a genuína Lei de Deus, aquela transmitida a Abraão, Moisés e aos Profetas. Não se refere as tradições e interpretações acrescentadas pelos fariseus.

Essa prática resultou numa religiosidade legalista, superficial e exterior, combatida por Jesus, por considerá-la incapaz de estabelecer uma relação consistente com o Pai. Por isso, introduziu uma nova maneira entendê-la e colocá-la em prática. Jesus tem uma posição clara diante da lei.

Tantas vezes, Ele a questionou, e sempre mostrou que a vida está acima tudo. Ele revelava algo de grandioso, que exigia generosidade e largueza de coração para entender o que ensinava. Pessoas limitadas e mesquinhas não conseguiam compreender o ensinamento novo.

Por vezes confrontamos a justiça com o amor. Para Jesus o amor e a justiça formam uma coisa só. Muitas vezes se contrapõem às tradições humanas e aos costumes. Jesus faz novas todas as coisas. E o amor é a plenitude da Lei. Santa Teresa, vai lembrar: “Ter medida em tudo, menos no amor.”

Rezemos: Senhor livra-me do legalismo que escraviza, e dá-me a largueza de coração e a generosidade para amar como Jesus amou.

Deus abençoe você e sua família.

REFLEXÃO - FREI RINALDO STECANELLA, OSM


Bom dia. Deus abençoe sua preciosa vida neste jornada iluminada de Quarta-feira. Sinta a vida de Deus fluindo na sua vida! Sinta o convite de Deus para viver com intensidade cada minuto desse novo dia! Sinta a beleza da criação ao seu redor convidando-o a contemplar a presença do Criador que não poupou esforço para nos dar um show de cores e maravilhas. Sinta a orquestra do universo numa afinada sinfonia da vida...sinta o ar que você respira...que vem do sopro da Vida do coração de Deus....sinta, viva, experimente, agradeça!!!!

É o espetáculo da vida!!!

Eu farei de você uma muralha de bronze fortificada diante deste povo; lutarão contra você, mas não o vencerão, pois estou com você para resgatá-lo e salvá-lo”, declara o Senhor. (Jeremias 15,20)


Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, os








FEVEREIRO
DOM
SEG
TER
QUA
QUI
SEX
SÁB





1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
181920212223
2425262728

PUBLICIDADE
- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo