03/01/20 - SEXTA-FEIRA - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"Fiat Voluntas Tua"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
VATICAN NEWS
Em janeiro, Papa propõe rezar pela paz num mundo fragmentado
Pesquisa rápida
Liturgia Diária
Primeiros dias do ano
03 de janeiro do Natal
Cor Litúrgica: Branco





1ª Leitura - 1Jo 2,29 - 3,6

Aquele que permanece nêle não peca.

Caríssimos:
29 Já que sabeis que ele é justo, sabei também que todo aquele que pratica a justiça nasceu dele.
3,1 Vede que grande presente de amor o Pai nos deu: de sermos chamados filhos de Deus! E nós o somos! Se o mundo não nos conhece, é porque não conheceu o Pai.
2 Caríssimos, desde já somos filhos de Deus, mas nem sequer se manifestou o que seremos! Sabemos que, quando Jesus se manifestar, seremos semelhantes a ele, porque o veremos tal como ele é.
3 Todo o que espera nele, purifica-se a si mesmo, como também ele é puro.
4 Todo o que comete pecado, comete também a iniqüidade, porque o pecado é a iniqüidade.
5 Vós sabeis que ele se manifestou para tirar os pecados e que nele não há pecado.
6 Todo aquele que peca mostra que não o viu, nem o conheceu.
Palavra do Senhor.





Salmo - Sl 97 (98), 1. 3cd-4. 5-6 (R. 3a)
 
R. Os confins do universo contemplaram
a salvação do nosso Deus.
1 Cantai ao Senhor Deus um canto novo,*
porque ele fez prodígios!
Sua mão e o seu braço forte e santo*
alcançaram-lhe a vitória.
R.
 
3c Os confins do universo contemplaram*
3d a salvação do nosso Deus.
4 Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,*
alegrai-vos e exultai!
R.
 
5 Cantai salmos ao Senhor ao som da harpa*
e da cítara suave!
6 Aclamai, com os clarins e as trombetas,*
ao Senhor, o nosso Rei!
R.





Evangelho - Jo 1,29-34
 
Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 1,29-34
Naquele tempo:
29 João viu Jesus aproximar-se dele e disse: 'Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.
30 Dele é que eu disse: Depois de mim vem um homem que passou à minha frente, porque existia antes de mim.
31 Também eu não o conhecia, mas se eu vim batizar com água, foi para que ele fosse manifestado a Israel'.
32 E João deu testemunho, dizendo: 'Eu vi o Espírito descer, como uma pomba do céu, e permanecer sobre ele.
33 Também eu não o conhecia, mas aquele que me enviou a batizar com água me disse: `Aquele sobre quem vires o Espírito descer e permanecer, este é quem batiza com o Espírito Santo'.
34 Eu vi e dou testemunho: Este é o Filho de Deus!'
Palavra da Salvação.


Oração Diária - Padr Tabosa, sj
Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)
“Cantai ao Senhor Deus um canto novo”.
Jo 1, 29-34

João Batista passa a conhecer Jesus quando ele se apresenta para ser batizado. João tem certeza de que vem cumprindo bem a sua missão: preparar o terreno para a manifestação do Messias.
João batizava com água, sinal de purificação. O Messias, entretanto, batizará com o Espírito Santo, a força do alto que infunde vida nova e dá sentido aos novos tempos.

Realizada a experiência do encontro com Jesus, O Batista pode com segurança apresenta-Lo ao povo como o “Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. Ele é imolado para tirar o pecado do mundo; é o sacrifício redentor que se dará em benefício da humanidade. É a Ele que se deve seguir doravante, pois é o “Filho de Deus.

João faz as suas afirmações não por ouvir dizer, mas porque ele mesmo viu e por isso dá testemunho. A evangelização supõe esta experiência única e pessoal. Somente aquele que experimenta pessoalmente o Senhor, tem o direito de anunciar, sem ser impostor.

O discípulo aprende a superar o egoísmo pela fé em Jesus e se dispõe a criar o mundo querido por Deus, onde todos são irmãos. A terra da fraternidade! É preciso ser antes discípulo para depois ser missionário. Antes de anunciar, é preciso viver a Palavra.

Rezemos: Senhor, que eu seja discípulo para depois ser missionário e colaborar na construção de relações justas, humanas e fraternas.

Deus abençoe você e sua família.
Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe sua vida nesse novo dia que começa. Deus é o nosso refúgio e fortaleza...é assim que vai começar o salmo que proponho para a nossa oração hoje. Que seu dia seja muito especial e abençoado.

Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. O Senhor dos exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. (Salmo 46)

Com carinho e bençãos

Frei Rinaldo, osm
SANTO DO DIA
SANGO ANTERO, PAPA

De origens gregas, Antero foi Papa por apenas 40 dias. Foi martirizado em 236, sob o império de Maximino Trácio, por ter mandado inserir os Anais dos Mártires nos Arquivos da Igreja de Roma, para não serem dispersos. Foi o primeiro Papa a ser sepultado nas Catacumbas de São Calixto.  





SÃO JOSÉ MARIA TOMASI, PRESBÍTERO TEATINO, CARDEAL

José Maria Tomasi nasceu na região da Licata, em 1649, em uma nobre família siciliana de Lampedusa. Renunciou ao título em prol do irmão e tornou-se religioso teatino. Precursor da Reforma Litúrgica, foi nomeado Cardeal pelo Papa Clemente XI, em 1712. João Paulo II o proclamou Santo em 1986.  





SÃO TELÉSFORO, PAPA E MÁRTIR

De origens gregas, Telésforo nasceu na região da Calábria. Foi anacoreta no Egito e Palestina e Papa de 125 a 136. Instituiu a Missa do Galo, com o canto “Gloria in excelsis Deo”, como também o jejum quaresmal e a celebração da Páscoa no domingo. Combateu o gnosticismo e morreu como mártir.  





SANTA GENOVEVA, VIRGEM





SANTÍSSIMO NOME DE JESUS



- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo