5ª-feira da 4ª Semana da Páscoa - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"Fiat Voluntas Tua"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
Liturgia Diária
Antífona de Entrada
Ó Deus, quando saístes à frente do vosso povo, abrindo-lhe o caminho e habitando entre eles, a terra estremeceu, fundiram-se os céus, aleluia! (Sl 67,8s.20)



Oração do dia
Ó Deus, que restaurais a natureza humana, dando-lhe uma dignidade maior, considerai o mistério do vosso amor, conservando para sempre os dons da vossa graça naqueles que renovastes pelo sacramento de uma nova vida. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.



1ª Leitura – At 13,13-25
Da descendência de Davi Deus fez surgir
para Israel um Salvador, que é Jesus.
Leitura dos Atos dos Apóstolos 13,13-25
13Paulo e seus companheiros embarcaram em Pafos
e chegaram a Perge da Panfília.
João deixou-os e voltou para Jerusalém.
14Eles, porém, partindo de Perge,
chegaram a Antioquia da Pisidia.
E, entrando na sinagoga em dia de sábado, sentaram-se.
15Depois da leitura da Lei e dos Profetas,
os chefes da sinagoga mandaram dizer-lhes:
‘Irmãos, se vós tendes alguma palavra
para encorajar o povo, podeis falar.’
16Paulo levantou-se,
fez um sinal com a mão e disse:
‘Israelitas e vós que temeis a Deus, escutai!
17O Deus deste povo de Israel
escolheu os nossos antepassados
e fez deles um grande povo
quando moravam como estrangeiros no Egito;
e de lá os tirou com braço poderoso.
18E, durante mais ou menos quarenta anos,
cercou-os de cuidados no deserto.
19Destruiu sete nações na terra de Canaã
e passou para eles a posse do seu território,
20por quatrocentos e cinqüenta anos aproximadamente.
Depois disso, concedeu-lhes juízes, até ao profeta Samuel.
21Em seguida, eles pediram um rei
e Deus concedeu-lhes Saul, filho de Cis,
da tribo de Benjamim,
que reinou durante quarenta anos.
22Em seguida, Deus fez surgir Davi como rei
e assim testemunhou a seu respeito:
‘Encontrei Davi, filho de Jessé,
homem segundo o meu coração,
que vai fazer em tudo a minha vontade.’
23Conforme prometera, da descendência de Davi
Deus fez surgir para Israel um Salvador,
que é Jesus.
24Antes que ele chegasse,
João pregou um batismo de conversão
para todo o povo de Israel.
25Estando para terminar sua missão,
João declarou: ‘Eu não sou aquele que pensais que eu seja!
Mas vede: depois de mim vem aquele,
do qual nem mereço desamarrar as sandálias’.
Palavra do Senhor.



Salmo – Sl 88, 2-3. 21-22. 25.27 (R. Cf. 2a)
R. Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor.
Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia
2Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor, *
de geração em geração eu cantarei vossa verdade!
3Porque dissestes: ‘O amor é garantido para sempre!’ *
E a vossa lealdade é tão firme como os céus.
R.

21Encontrei e escolhi a Davi, meu servidor, *
e o ungi, para ser rei, com meu óleo consagrado.
22Estará sempre com ele minha mão onipotente, *
e meu braço poderoso há de ser a sua força.
R.

23Não será surpreendido pela força do inimigo, *
nem o filho da maldade poderá prejudicá-lo.
24Diante dele esmagarei seus inimigos e agressores, *
ferirei e abaterei todos aqueles que o odeiam.
R.

25Minha verdade e meu amor estarão sempre com ele, *
sua força e seu poder por meu nome crescerão.
27Ele, então, me invocará: ‘Ó Senhor, vós sois meu Pai, *
sois meu Deus, sois meu Rochedo onde encontro a salvação!`
R.



Evangelho – Jo 13,16-20
Quem recebe aquele que eu enviar, me recebe a mim
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João 13,16-20
Depois de lavar os pés dos discípulos,
Jesus lhes disse:
16Em verdade, em verdade vos digo:
o servo não está acima do seu senhor
e o mensageiro não é maior que aquele que o enviou.
17Se sabeis isto, e o puserdes em prática,
sereis felizes.
18Eu não falo de vós todos.
Eu conheço aqueles que escolhi,
mas é preciso que se realize o que está na Escritura:
‘Aquele que come o meu pão
levantou contra mim o calcanhar.’
19Desde agora vos digo isto,
antes de acontecer,
a fim de que, quando acontecer,
creais que eu sou.
20Em verdade, em verdade vos digo,
quem recebe aquele que eu enviar,
me recebe a mim;
e quem me recebe,
recebe aquele que me enviou.’
Palavra da Salvação.



Antífona da Comunhão
Eis que estou convosco todos os dias, até o fim dos tempos, aleluia! (Mt 28-20)



Depois da Comunhão
Deus eterno e todo-poderoso, que, pela ressurreição de Cristo, nos renovais para a vida eterna, fazei frutificar em nós o sacramento pascal e infundi em nossos corações a fortaleza desse alimento salutar. Por Cristo, nosso Senhor.

Pesquisa rápida
Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)
“Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor”.
Jo 13, 16-20

Ao lavar os pés dos Apóstolos, Jesus deixou uma lição clara: é maior quem aprende a servir a todos. Uma admirável atitude de amor e serviço. O próprio Jesus afirmou em outra ocasião: “O Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a vida em resgate de muitos” (Mc 10, 45).

Não basta compreender a lição do lava-pés, é necessário colocá-la em prática: “Serão felizes se o praticarem”. Na comunidade de Jesus não há lugar para prepotências e vaidades. Não podem ser mais que o mestre e nem pretender outro caminho diferente do que aquele que Jesus seguiu, o caminho do amor e do serviço.

Ao longo da vida de Jesus, Ele experimentou um dilema: acolhida e rejeição. Encontrou acolhida entre os pobres, simples, pecadores, entre os últimos. Por outro lado, a rejeição maior partiu da elite religiosa, dos orgulhosos e autossuficientes. As pessoas podem ser felizes não dominando, mas amando; não se considerando melhores dos que as outras, mas iguais. Nem todos seguirão o projeto de Jesus.

Jesus estabelece uma corrente amorosa entre; o Pai, Ele, os que Ele envia e os que acolhem os enviados, pois: “quem os acolher, está acolhendo Cristo e o Pai”.  Reza pelos enviados e por aqueles que acolherem a sua Palavra. E promete estar sempre com os discípulos até o fim.

Rezemos: Senhor, quero ser teu discípulo e missionário, na alegria do amor e do serviço. Socorre as minhas fraquezas e fortalece a minha fidelidade.

Deus abençoe você e sua família.

Pe. João Luiz
Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe sua vida. Um novo dia começa. Deus quer que esta Quinta-feira seja muito especial na sua vida, dentro da sua casa, para seus amigos e familiares e em todos os seus afazeres. Confia Nele, entrega teu coração a Ele e o resto Ele vai fazer acontecer. Isso é simplesmente maravilhoso não é? Mas para isso acontecer..temos que confiar mesmo! Convide o Senhor para caminhar com você em cada passo que der nesta jornada. E prepare-se para colher os frutos de bençãos e paz hoje. Uma ótima quinta-feira.

Sobretudo, amem-se sinceramente uns aos outros, porque o amor perdoa muitíssimos pecados.  (1 Pedro 4,8)

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm
FEVEREIRO
D
S
T
Q
Q
S
S






1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo