10 DE NOVEMBRO - DOMINGO - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"extra Ecclesiam nulla salus"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
ÂNGELUS DE 10 DE NOVEMBRO DE 2019
Pesquisa rápida
Liturgia Diária
32º Domingo Do Tempo Comum
10 de Novembro de 2019 - Cor: Verde



 
Primeira Leitura (2Mc 7,1-2.9-14)

Leitura do Segundo Livro dos Macabeus.
Naqueles dias,
1 aconteceu que foram presos sete irmãos, com sua mãe, aos quais o rei, por meio de golpes de chicote e de nervos de boi, quis obrigar a comer carne de porco, que lhes era proibida.
2 Um deles, tomando a palavra em nome de todos, falou assim: “Que pretendes? E que procuras saber de nós? Estamos prontos a morrer, antes que violar as leis de nossos pais”.
9 O segundo, prestes a dar o último suspiro, disse: “Tu, ó malvado, nos tiras desta vida presente. Mas o Rei do universo nos ressuscitará para uma vida eterna, a nós que morremos por suas leis”.
10 Depois deste, começaram a torturar o terceiro. Apresentou a língua logo que o intimidaram e estendeu corajosamente as mãos.
11 E disse, cheio de confiança: “Do Céu recebi estes membros; por causa de suas leis os desprezo, pois do Céu espero recebê-los de novo”.
12 O próprio rei e os que o acompanhavam ficaram impressionados com a coragem desse adolescente, que considerava os sofrimentos como se nada fossem.
13 Morto também este, submeteram o quarto irmão aos mesmos suplícios, desfigurando-o.
14 Estando quase a expirar, ele disse: “Prefiro ser morto pelos homens tendo em vista a esperança dada por Deus, que um dia nos ressuscitará. Para ti, porém, ó rei, não haverá ressurreição para a vida!”
- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.




Responsório (Sl 16)
 
— Ao despertar, me saciará vossa presença e verei a vossa face!
— Ao despertar, me saciará vossa presença e verei a vossa face!
 
— Ó Senhor, ouvi a minha justa causa,/ escutai-me e atendei o meu clamor!/ Inclinai o vosso ouvido à minha prece,/ pois não existe falsidade nos meus lábios!
— Ao despertar, me saciará vossa presença e verei a vossa face!
 
— Os meus passos eu firmei na vossa estrada,/ e por isso os meus pés não vacilaram./ Eu vos chamo, ó meu Deus, porque me ouvis,/ inclinai o vosso ouvido e escutai-me!
— Ao despertar, me saciará vossa presença e verei a vossa face!
 
— Protegei-me qual dos olhos a pupila/ e guardai-me, à proteção de vossas asas./ Mas eu verei, justificado, a vossa face/ e ao despertar me saciará vossa presença.
— Ao despertar, me saciará vossa presença e verei a vossa face!




Segunda Leitura (2Ts 2,16-3,5)
 
Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Tessalonicenses:

Irmãos:
16 Nosso Senhor Jesus Cristo e Deus nosso Pai, que nos amou em sua graça e nos proporcionou uma consolação eterna e feliz esperança,
17 animem os vossos corações e vos confirmem em toda boa ação e palavra.
3,1 Quanto ao mais, irmãos, rezai por nós, para que a palavra do Senhor seja divulgada e glorificada como foi entre vós. 2Rezai também para que sejamos livres dos homens maus e perversos, pois nem todos têm a fé!
3 Mas o Senhor é fiel; ele vos confirmará e vos guardará do mal.
4 O Senhor nos dá a certeza de que vós estais seguindo e sempre seguireis as nossas instruções.
5 Que o Senhor dirija os vossos corações ao amor de Deus e à firme esperança em Cristo.
- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.




Anúncio do Evangelho (Lc 20,27-38)
 
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
 
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.
 
Naquele tempo,
27 aproximaram-se de Jesus alguns saduceus, que negam a ressurreição,
28 e lhe perguntaram: “Mestre, Moisés deixou-nos escrito: se alguém tiver um irmão casado e este morrer sem filhos, deve casar-se com a viúva, a fim de garantir a descendência para o seu irmão.
29 Ora, havia sete irmãos. O primeiro casou e morreu, sem deixar filhos.
30 Também o segundo
31 e o terceiro se casaram com a viúva. E assim os sete: todos morreram sem deixar filhos.
32 Por fim, morreu também a mulher.
33 Na ressurreição, ela será esposa de quem? Todos os sete estiveram casados com ela”.
34 Jesus respondeu aos saduceus: “Nesta vida, os homens e as mulheres casam-se,
35 mas os que forem julgados dignos da ressurreição dos mortos e de participar da vida futura, nem eles se casam nem elas se dão em casamento;
36 e já não poderão morrer, pois serão iguais aos anjos, serão filhos de Deus, porque ressuscitaram.
37 Que os mortos ressuscitam, Moisés também o indicou na passagem da sarça, quando chama o Senhor de ‘o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó’.
38 Deus não é Deus dos mortos, mas dos vivos, pois todos vivem para ele”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.



Fonte: Youtube RS21
Fonte: Youtube RS21
Fonte: Youtube RS21
Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)
“Ao despertar, me saciará vossa presença e verei a vossa face.”
Lc 20, 27-38

A Ressurreição é o antigo e sempre atual questionamento sobre o que acontece depois da morte. Uma pergunta que sempre se faz presente em nossas rodas de conversas, porém nem sempre iluminadas pelo ensinamento e a certeza do presente que recebemos de Jesus, o Senhor, vencedor da morte.

Os saduceus são sacerdotes guardiões do Templo e da Lei. Eles só aceitavam o Pentateuco (Os Livros da Lei), no qual não se fala nada da Ressurreição. Acreditavam na Lei de Moisés, mas acreditavam que a alma morria com o corpo.

Diante disso apresentam o caso da mulher que teve sete maridos, sem deixar descendentes. Apresentavam o caso a partir do Lei do Levirato (que obriga o irmão a se casar com a viúva de seu irmão falecido sem filhos, e o filho primogênito sendo tratado como do irmão falecido e sendo o seu herdeiro e não do pai genético).

Os saduceus perguntam a Jesus de quem ela será esposa depois da ressurreição. Introduzem esse caso para mostrar o absurdo da ressurreição na compreensão desse grupo.

Jesus responde aos saduceus em dois momentos: primeiro, o outro mundo não é reprodução do presente; segundo, o Deus da Revelação é Deus dos vivos (Abraão, Isaac e Jacó). O sentido da vida humana é viver para Deus. Uma vida assim vivida não conhece fim. Quem está com Deus, está sempre vivo.

Jesus ensina: “Eu sou a Ressurreição. Quem acredita em mim. Ainda que morra viverá. E todo aquele que vive e acredita em mim, não morrerá para sempre. Você acredita nisso? ”

Aqueles que acreditam em Jesus já experimentam a vida plena desde já. Assim podemos enfrentar até a morte sabendo que está preparado para os que mantém o seu coração no amor de Deus e na perseverança em Cristo, um futuro glorioso, feliz, onde a vida tem sua realização plena.

Amando o Deus que é amor, estaremos nele nesta vida e na eternidade. O Deus de amor deseja para todos uma vida feliz e plena para sempre. A vida futura é consequência e não imitação desta vida.

Rezemos: Senhor, eu creio. Em Ti, espero. Quero caminhar na terra com os olhos fixos no céu.

Deus abençoe você e sua família.
Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe sua vida nessa fascinante jornada de domingo que já chegou. É o DIA DO SENHOR por excelência. Está chegando o merecido descanso, não é mesmo? Repor as energias faz bem!!! Cuidar do Corpo é um ato de amor e respeito para com Deus! Mas também não podemos descuidar da Família e de Deus. Portanto, convide sua família e escolham um bom horário para participar de sua comunidade. A ORAÇÃO em família fortalece os laços de amor e união e também é alimento para a alma.

Senhor, Hoje é Domingo, dia do Senhor por excelência.
Obrigado pelo precioso dom da vida e por poder desfrutar esse dia com a família e em comunidade.
Obrigado pela semana vivida e por esta oportunidade de descansar o corpo, a mente e o espírito.
Derrama, Senhor, as Tuas ricas bençãos neste dia, sobre as nossas vidas, e também de todos os nossos familiares e amigos.
Derrama, Senhor, muita paz e muito amor nos nossos corações e livra-nos de todo o mal e de todas as flechas do inimigo.
Abençoai a todos que podem descansar hoje de suas lutas diárias.
Que possamos ter uma ótima dia de descanso, para amanhã, segunda, quando acordarmos para mais uma semana abençoada, sentir o seu amor e sua presença no meio de nós.
Perdoa as nossas falhas cometidas durante a semana, a nossa falta de caridade e misericórdia e nos dê forças paracontinuar seguindo em frente com a cabeça sempre erguida.
Abençoe, Senhor, essa nova semana que se inicia, nos dê a chance de recomeçar com muita força, fé, otimismo e alegria de viver...
Agradecemos por tudo, meu Deus.
A Ti toda honra, toda glória e todo poder.
Obrigado pela oportunidade de celebrarmos a santa Ressurreição.
Fica conosco, Senhor, hoje e sempre.
Amém!


Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm
FEVEREIRO
DOM
SEG
TER
QUA
QUI
SEX
SÁB





1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
181920212223
2425262728

- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo