18/01/20 - SÁBADO - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"Fiat Voluntas Tua"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
VATICAN NEWS
Papa aos pescadores: valorizar um trabalho antigo
Pesquisa rápida
Liturgia Diária

PRIMEIRA SEMANA DO TEMPO COMUM
COR LITÚRGICA: VERDE




1ª Leitura - 1Sm 9, 1-4.17-19; 10,1a
 
Este é o homem de quem te falei.
Saul reinará sobre o meu povo.



Leitura do Primeiro Livro de Samuel 9, 1-4.17-19; 10,1a
1  Havia um homem de Benjamin, chamado Cis, filho de Abiel, filho de Seror, filho de Becorat, filho de Afia, um benjaminita, homem forte e valente.
2  Ele tinha um filho chamado Saul, de boa apresentação. Entre os filhos de Israel não havia outro melhor do que ele: dos ombros para cima sobressaía a todo o povo.
3  Ora, aconteceu que se perderam umas jumentas de Cis, pai de Saul. E Cis disse a seu filho Saul: 'Toma contigo um dos criados, põe-te a caminho e vai procurar as jumentas'. Eles atravessaram a montanha de Efraim
4  e a região de Salisa, mas não as encontraram. Passaram também pela região de Salim, sem encontrar nada;  e, ainda pela terra de Benjamin, sem resultado algum.
17 Quando Samuel avistou Saul, o Senhor lhe disse: 'Este é o homem de quem te falei.Ele reinará sobre o meu povo'.
18 Saul aproximou-se de Samuel, na soleira da porta, e disse-lhe: 'Peço-te que me informes onde é a casa do vidente'.
19 Samuel respondeu a Saul: 'Sou eu mesmo o vidente. Sobe na minha frente ao santuário da colina. Hoje comereis comigo, e amanhã de manhã te deixarei partir, depois de te ter revelado tudo o que tens no coração'.
10,1a Na manhã seguinte, Samuel tomou um pequeno frasco de azeite, derramou-o sobre a cabeça de Saul e beijou-o, dizendo: 'Com isto o Senhor te ungiu como chefe do seu povo, Israel. Tu governarás o povo do Senhore o livrarás das mãos de seus inimigos, que estão ao seu redor'.
Palavra do Senhor.




Salmo - Sl 20,2-3. 4-5. 6-7 (R. 2a)
   
 
R. Ó Senhor, em vossa força o rei se alegra.

2    Ó Senhor, em vossa força o rei se alegra; *
   quanto exulta de alegria em vosso auxílio!
3    O que sonhou seu coração, lhe concedestes; *
   não recusastes os pedidos de seus lábios.
R.    
 
4    Com bênção generosa o preparastes; *
   de ouro puro coroastes sua fronte.
5    A vida ele pediu e vós lhe destes, *
   longos dias, vida longa pelos séculos.
R.
 
6    É grande a sua glória em vosso auxílio; *
   de esplendor e majestade o revestistes.
7    Transformastes o seu nome numa bênção, *
   e o cobristes de alegria em vossa face.
R.




Evangelho - Mc 2,13-17   
 
Eu não vim para chamar justos, mas sim pecadores.'
   
 
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 2,13-17
Naquele tempo:
13 Jesus saiu de novo para a beira do mar. Toda a multidão ia ao seu encontro e Jesus os ensinava.
14 Enquanto passava, Jesus viu Levi, o filho de Alfeu, sentado na coletoria de impostos, e disse-lhe: 'Segue-me!' Levi se levantou e o seguiu.15 E aconteceu que, estando à mesa na casa de Levi, muitos cobradores de impostos e pecadores também estavam à mesa com Jesus e seus discípulos. Com efeito, eram muitos os que o seguiam.
16 Alguns doutores da Lei, que eram fariseus, viram que Jesus estava comendo com pecadores e cobradores de impostos. Então eles perguntaram aos discípulos: 'Por que ele come com os cobradores de impostos e pecadores?'
17 Tendo ouvido, Jesus respondeu-lhes: 'Não são as pessoas sadias que precisam de médico, mas as doentes. Eu não vim para chamar justos, mas sim pecadores.'
Palavra da Salvação.





Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)

“Ó Senhor, em vossa força o rei se alegra.”
Mc 2, 13-17

O Evangelho mostra Jesus caminhando a beira mar, ensinando e anunciando a Palavra às multidões. Na sequência Ele convida um cobrador de impostos (Levi) para ser seu discípulo.

Jesus escandaliza os adversários ao entrar e sentar-se à mesa com os odiados cobradores de impostos e com pessoas consideradas pecadoras. Gente marginalizada pela religião, sobre quem pesava o preconceito de serem rejeitados por Deus. A pureza religiosa exigia evitá-las e manter-se afastados dessa gente.

A imagem de Deus anunciada por Jesus, estava em total desacordo com a postura das lideranças religiosa de seu tempo. O Deus que acolhe todos com filhos e filhas, não pode criar grupos de privilegiados. A crítica dos adversários jamais mudaria o modo de proceder de Jesus.

Jesus mostra que o seu interesse, está exatamente, naqueles que estão mais afastados, por serem os mais necessitados de misericórdia e perdão: “Não são os que tem saúde que precisam de médicos, e sim, os doentes. Eu não vim chamar os justos, e sim os pecadores”.

É admirável a atitude de Jesus que não se deixa levar por preconceitos e desconcerta os adversários. Edificante, também é a atitude de Levi, também conhecido como Mateus. Deixa tudo: banca, as moedas e o lucro e aceita o convite; “Segue-me”. Jesus deixa claro sua missão: Ele não veio para condenar, mas para salvar.

Rezemos: Senhor, ajuda-me a seguir teus passos. Vencer o preconceito e ajudar quem afastou-se de Ti e necessita ser cativado pelo amor e a misericórdia. Quero ser seu discípulo e missionário.

Deus abençoe você e sua família.

Pe. João Luiz



Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe sua vida nesse sábado que se desponta! Que seu dia seja abençoado e repleto do Espírito Santo! Ande sempre nos caminhos do Senhor! Ele ama o que é justo! Ele é Pai que tudo vê! Agradeça o dom da vida e faça sempre o bem! Que seu dia seja feliz!!!

Porquanto te ordeno, hoje, que ames o Senhor, teu Deus, que andes nos seus caminhos e que guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, para que vivas e multipliques as graças e bençãos em sua vida, e o Senhor, teu Deus, te abençoe na terra, a qual passas a possuir.
Deuteronômio 30,16

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém!

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm
- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo