2019 - FEVEREIRO - 01 - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

- SOMENTE EVANGELHO, SEM POLÍTICA -
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
FEVEREIRO
DOM
SEG
TER
QUA
QUI
SEX
SÁB





1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
181920212223
2425262728

Liturgia Diária

6ª-FEIRA DA 3ª SEMANA – TEMPO COMUM

Suportastes longas e dolorosas lutas.
Não abandoneis, pois, a vossa coragem.

Leitura da Carta aos Hebreus 10,32-39

Irmãos:
32Lembrai-vos dos primeiros dias,
quando, apenas iluminados,
suportastes longas e dolorosas lutas.
33És vezes, éreis apresentados como espetáculo,
debaixo de injúrias e tribulações;
outras vezes, vos tornáveis solidários
dos que assim eram tratados.
34Com efeito, participastes dos sofrimentos dos prisioneiros
e aceitastes com alegria o confisco dos vossos bens,
na certeza de possuir uma riqueza melhor e mais durável.
35Não abandoneis, pois, a vossa coragem,
que merece grande recompensa.
36De fato, precisais de perseverança
para cumprir a vontade de Deus
e alcançar o que ele prometeu.
37Porque ainda bem pouco tempo,
e aquele que deve vir, virá e não tardará.
38O meu justo viverá por causa de sua fidelidade,
mas, se esmorecer,
não encontrarei mais satisfação nele.’
39Nós não somos desertores, para a perdição.
Somos homens da fé, para a salvação da alma.
Palavra do Senhor.

R. A salvação de quem é justo, vem de Deus!

3Confia no Senhor e faze o bem, *
e sobre a terra habitarás em segurança.
4Coloca no Senhor tua alegria, *
e ele dará o que pedir teu coração.
R.


5Deixa aos cuidados do Senhor o teu destino; *
confia nele, e com certeza ele agirá.
6Fará brilhar tua inocência como a luz, *
e o teu direito, como o sol do meio-dia.
R.


23É o Senhor quem firma os passos dos mortais *
e dirige o caminhar dos que lhe agradam;
24mesmo se caem, não irão ficar prostrados,*
pois é o Senhor quem os sustenta pela mão.
R.


39A salvação dos piedosos vem de Deus; *
ele os protege nos momentos de aflição.
40O Senhor lhes dá ajuda e os liberta, +
defende-os e protege-os contra os ímpios, *
e os guarda porque nele confiaram.
R.

 

É a menor de todas as sementes e se

torna maior do que todas as hortaliças

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos 4,26-34

Naquele tempo:
26Jesus disse à multidão:
‘O Reino de Deus
é como quando alguém espalha a semente na terra.
27Ele vai dormir e acorda, noite e dia,
e a semente vai germinando e crescendo,
mas ele não sabe como isso acontece.
28A terra, por si mesma, produz o fruto:
primeiro aparecem as folhas, depois vem a espiga
e, por fim, os grãos que enchem a espiga.
29Quando as espigas estão maduras,
o homem mete logo a foice,
porque o tempo da colheita chegou’.
30E Jesus continuou:
‘Com que mais poderemos comparar o Reino de Deus?
Que parábola usaremos para representá-lo?
31O Reino de Deus é como um grão de mostarda
que, ao ser semeado na terra,
é a menor de todas as sementes da terra.
32Quando é semeado, cresce
e se torna maior do que todas as hortaliças,
e estende ramos tão grandes,
que os pássaros do céu podem abrigar-se à sua sombra’.
33Jesus anunciava a Palavra
usando muitas parábolas como estas,
conforme eles podiam compreender.
34E só lhes falava por meio de parábolas,
mas, quando estava sozinho com os discípulos,
explicava tudo.
Palavra da Salvação.


REFLEXÃO - PADRE JOÃO LUÍS FÁVERO - CAMPINAS


“A salvação de quem é justo vem de Deus!”

Mc 4, 26-34

A Parábola da semente que “germina e cresce, sem que o semeador saiba como”, serve de alerta para a impaciência dos discípulos do Reino. Com facilidade caímos na tentação de querer impor ao Reino uma dinâmica contraria ao seu tempo e ao seu ritmo.

A semente traz em si esperança de vida. O Reino muitas vezes parece estar adormecido, sem vitalidade, sem brilho. Mas está em gestação, está germinando em meio aos desafios, oposições... Um dia ele triunfará! O bem e o amor vencerão. Um dia se tornará uma árvore frondosa, carregada de flores, furtos e beleza.  

Pensamos tantas vezes poder acelerar os processos ou, então abreviar o tempo de maturação da Palavra no coração dos ouvintes. Podendo chegar ao desespero e também a querer abandonar e romper com a missão recebida de Jesus, o Mestre e Senhor.

Cabe aos discípulos a tarefa de semear. Semear a Palavra do Reino. Uma vez semeada, ela produzirá no coração do ouvinte uma dinâmica que foge do seu controle. Esta ação é Deus, e devemos saber respeitar o dinamismo sútil da ação divina no coração do homem.

Por vezes parecemos muito pretenciosos ao dizer: “Vamos construir o Reino de Deus”. É mais correto dizer como rezamos na oração que o Senhor nos ensinou: “Venha a nós o vosso Reino”. O Reino seria muito pobre se dependesse de nosso trabalho e de nossas virtudes. O Reino é graça, é gratuidade divina.

Rezemos: Senhor, livra-me da impaciência, que me leva a tentação de querer impor ao Reino as minhas preocupações e pressa, não respeitando a dinâmica e a vontade divina.

Deus abençoe você e sua família.


REFLEXÃO - FREI RINALDO STECANELLA, OSM


Bom dia. Deus abençoe sua vida, sua casa, sua família, seu trabalho...seus afazeres ... nessa nova jornada de Sexta-feira que começa.  Vamos superar  as dificuldades, as tribulações, as tempestades...Vamos levantar a cabeça e seguir firmes em nossos propósitos para o dia de hoje. Que este mês de Fevereiro que hoje começa venha repleto de bençãos e paz na vida de todos nós.

CONSAGRANDO O NOSSO DIA

Senhor Deus de Bondade, nesta sexta-feira, venho diante de ti para agradecer todo o bem que realizas na minha vida. Muito obrigado pelo ar que respiro, pelo alimento à minha mesa, pelas pessoas que amo. Muito obrigado pela força e coragem que me concedes todos os dias. Eu te peço, Senhor, a graça da perseverança em todas as situações, especialmente naquelas mais difíceis, que exigem de mim paciência, confiança e firmeza. Sei seu nunca estarei só e que sempre posso contar com teu dedicado auxílio. Dá-me superar o medo e a insegurança e que eu possa, com a tua graça, oferecer apoio a todos aqueles que de mim se aproximarem pedindo auxílio. Tudo isso eu te peço por Jesus Cristo, teu filho e nosso irmão, na força e na unidade do Espírito Santo, Amém!

REZANDO COM O SALMO

Salmo 59

Dai-nos, Deus, vosso auxílio na tribulação; *

com Deus nós faremos proezas.

Minha força, é a vós que me dirijo, †

porque sois o meu refúgio e proteção, *

Deus clemente e compassivo, meu amor!

–Deus virá com seu amor ao meu encontro.

Eu, então, hei de cantar vosso poder,  

e de manhã celebrarei vossa bondade,

–porque fostes para mim o meu abrigo, *

o meu refúgio no dia da aflição.

Minha força, cantarei vossos louvores, †

porque sois o meu refúgio e proteção, *

Deus clemente e compassivo, meu amor!

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *

Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Com carinho e bençãos

Frei Rinaldo, osm


REFLEXÃO - PADRE JOÃO LUÍS FÁVERO - CAMPINAS


“A salvação de quem é justo vem de Deus!”
Mc 4, 26-34

A Parábola da semente que “germina e cresce, sem que o semeador saiba como”, serve de alerta para a impaciência dos discípulos do Reino. Com facilidade caímos na tentação de querer impor ao Reino uma dinâmica contraria ao seu tempo e ao seu ritmo.

A semente traz em si esperança de vida. O Reino muitas vezes parece estar adormecido, sem vitalidade, sem brilho. Mas está em gestação, está germinando em meio aos desafios, oposições... Um dia ele triunfará! O bem e o amor vencerão. Um dia se tornará uma árvore frondosa, carregada de flores, furtos e beleza.  

Pensamos tantas vezes poder acelerar os processos ou, então abreviar o tempo de maturação da Palavra no coração dos ouvintes. Podendo chegar ao desespero e também a querer abandonar e romper com a missão recebida de Jesus, o Mestre e Senhor.

Cabe aos discípulos a tarefa de semear. Semear a Palavra do Reino. Uma vez semeada, ela produzirá no coração do ouvinte uma dinâmica que foge do seu controle. Esta ação é Deus, e devemos saber respeitar o dinamismo sútil da ação divina no coração do homem.

Por vezes parecemos muito pretenciosos ao dizer: “Vamos construir o Reino de Deus”. É mais correto dizer como rezamos na oração que o Senhor nos ensinou: “Venha a nós o vosso Reino”. O Reino seria muito pobre se dependesse de nosso trabalho e de nossas virtudes. O Reino é graça, é gratuidade divina.

Rezemos: Senhor, livra-me da impaciência, que me leva a tentação de querer impor ao Reino as minhas preocupações e pressa, não respeitando a dinâmica e a vontade divina.

Deus abençoe você e sua família.

REFLEXÃO - FREI RINALDO STECANELLA, OSM


Bom dia. Deus abençoe sua vida, sua casa, sua família, seu trabalho...seus afazeres ... nessa nova jornada de Sexta-feira que começa.  Vamos superar  as dificuldades, as tribulações, as tempestades...Vamos levantar a cabeça e seguir firmes em nossos propósitos para o dia de hoje. Que este mês de Fevereiro que hoje começa venha repleto de bençãos e paz na vida de todos nós.


CONSAGRANDO O NOSSO DIA
Senhor Deus de Bondade, nesta sexta-feira, venho diante de ti para agradecer todo o bem que realizas na minha vida. Muito obrigado pelo ar que respiro, pelo alimento à minha mesa, pelas pessoas que amo. Muito obrigado pela força e coragem que me concedes todos os dias. Eu te peço, Senhor, a graça da perseverança em todas as situações, especialmente naquelas mais difíceis, que exigem de mim paciência, confiança e firmeza. Sei seu nunca estarei só e que sempre posso contar com teu dedicado auxílio. Dá-me superar o medo e a insegurança e que eu possa, com a tua graça, oferecer apoio a todos aqueles que de mim se aproximarem pedindo auxílio. Tudo isso eu te peço por Jesus Cristo, teu filho e nosso irmão, na força e na unidade do Espírito Santo, Amém!


REZANDO COM O SALMO

Salmo 59

Dai-nos, Deus, vosso auxílio na tribulação; *
com Deus nós faremos proezas.
Minha força, é a vós que me dirijo, †
porque sois o meu refúgio e proteção, *
Deus clemente e compassivo, meu amor!
–Deus virá com seu amor ao meu encontro.

Eu, então, hei de cantar vosso poder,  
e de manhã celebrarei vossa bondade,
–porque fostes para mim o meu abrigo, *
o meu refúgio no dia da aflição.

Minha força, cantarei vossos louvores, †
porque sois o meu refúgio e proteção, *
Deus clemente e compassivo, meu amor!

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm
PUBLICIDADE
- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo