21/03/20 - SÁBADO - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"Fiat Voluntas Tua"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
VATICAN NEWS
Pesquisa rápida
Liturgia Diária
Antífona de Entrada
Bendize, ó minha alma, ao Senhor, não esqueças nenhum dos seus benefícios: é ele quem te perdoa todas as ofensas (Sl 102,2s).




Oração do dia
Ó Deus, alegrando-nos cada ano com a celebração da Quaresma, possamos participar com fervor dos sacramentos pascais e colher com alegria todos seus frutos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.




1ª Leitura – Os 6,1-6

Quero amor e não sacrifícios.

Leitura da Profecia de Oséias 6,1-6
1 ‘Vinde, voltemos para o Senhor, ele nos feriu e há de tratar-nos, ele nos machucou e há de curar-nos.
2 Em dois dias, nos dará vida, e, ao terceiro dia, há de restaurar-nos, e viveremos em sua presença.
3 É preciso saber segui-lo para reconhecer o Senhor. Certa como a aurora é a sua vinda, ele virá até nós como as primeiras chuvas, como as chuvas tardias que regam o solo’.
4 Como vou tratar-te, Efraim? Como vou tratar-te, Judá? O vosso amor é como nuvem pela manhã, como orvalho que cedo se desfaz.
5 Eu os desbastei por meio dos profetas, arrasei-os com as palavras de minha boca, mas, como luz, expandem-se meus juízos;
6 quero amor, e não sacrifícios, conhecimento de Deus, mais do que holocaustos’.
Palavra do Senhor.




Salmo – Sl 50, 3-4. 18-19. 20-21ab (R. Cf.Os 6,6)

R. Eu quis misericórdia e não o sacrifício!

3 Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia! *
Na imensidão de vosso amor, purificai-me!
4 Lavai-me todo inteiro do pecado, *
e apagai completamente a minha culpa!
R.


18 Pois não são de vosso agrado os sacrifícios, *
e, se oferto um holocausto, o rejeitais.
19 Meu sacrifício é minha alma penitente, *
não desprezeis um coração arrependido!
R.


20 Sede benigno com Sião, por vossa graça, *
reconstruí Jerusalém e os seus muros!
21a E aceitareis o verdadeiro sacrifício, *
21b os holocaustos e oblações em vosso altar!
R.




Evangelho – Lc 18,9-14

O cobrador de impostos voltou para
casa justificado, o outro não.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 18,9-14
Naquele tempo:
9 Jesus contou esta parábola para alguns que confiavam na sua própria justiça e desprezavam os outros:
10 ‘Dois homens subiram ao Templo para rezar: um era fariseu, o outro cobrador de impostos.
11 O fariseu, de pé, rezava assim em seu íntimo: ‘Ó Deus, eu te agradeço porque não sou como os outros homens, ladrões, desonestos, adúlteros, nem como este cobrador de impostos.
12 Eu jejuo duas vezes por semana, e dou o dízimo de toda a minha renda’.
13 O cobrador de impostos, porém, ficou à distância, e nem se atrevia a levantar os olhos para o céu; mas batia no peito, dizendo: `Meu Deus, tem piedade de mim que sou pecador!’
14 Eu vos digo: este último voltou para casa justificado, o outro não. Pois quem se eleva será humilhado, e quem se humilha será elevado.’
Palavra da Salvação.




Antífona da Comunhão
O publicano, de longe, batia no peito, dizendo: Deus, tende piedade de mim, pois sou pecador! (Lc 18,13)




Depois da Comunhão
Ó Deus de misericórdia, sustentados pela eucaristia, dai-nos celebrar dignamente vossos sacramentos e recebê-los sempre com fé. Por Cristo, nosso Senhor.




Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)

“Criai em mim, ó Deus, um coração puro!”
Lc 18, 9-14

A respeito das duas atitudes apresentadas nesta parábola, Jesus, mostra a hipocrisia do fariseu e simpatia pelo publicano pecador. Mostra com que espírito devemos nos dirigir ao Pai. E não mede palavras para apontar a hipocrisia dos fariseus.

Considerar-se santo e desprezar os outros são dois extremos pecaminosos. Peca-se contra a verdade, contra a falta de modéstia e humildade, e contra a caridade fraterna. Quando alguém se vangloria de seus feitos, assume atitude de soberba e cria um clima de mal-estar em seu ambiente.

O fariseu proclamou sua santidade legal. Cumpria todos os preceitos religiosos, mas fazia isto sem alma e sem amor. A atitude de fariseu é censurada porque busca a si mesmo e despreza a misericórdia de Deus. A autossuficiência do orgulhoso lhe impede a conversão.

O publicano pecador, desprezado e marginalizado, reconhecia sua miséria e limitações e acreditava no amor misericordioso de Deus. Reconhece seus próprios erros e, diante de Deus limita-se a bater no peito e pedir perdão. Ele coloca-se no seu lugar: todo ser humano é imperfeito. E abre-se ao Deus de misericórdia, atitude correta, elogiada pelo Senhor.

A fraqueza – uma vez admitida – joga-nos nos braços do Pai. O pecado pode ser o ponto de partida para uma vida nova. Pedro, após sua negação, aprendeu o valor da humildade e da compaixão pelos outros. Aprendeu que o amor supera o pecado.

Rezemos: Senhor, tira do meu coração a arrogância e a autossuficiência, e coloca em mim a humildade. Quero estar no colo do Pai. Senhor ensina-me a rezar!

Deus abençoe você e sua família.

Pe. João Luiz
FOTO: MONSENHOR JOÃO LUÍS FÁVERO
Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe você nesse novo dia que está começando. Chegamos a mais um final de semana.  Que seu sábado seja muito abençoado e repleto de grandes alegrias. Deus está com você para acompanhar cada passo que você der hoje. Uma excelente preparação para o seu final de semana. A luta contra o Coronavirus deve continuar e muito! Façamos a nossa parte.


MEDITANDO E SE ALIMENTANDO DA PALAVRA DE DEUS
Isaías 41, 8-14
Tu és o meu servo, a ti escolhi e nunca te rejeitei.
Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça.
Eis que, envergonhados e confundidos serão todos os que se indignaram contra ti; tornar-se-ão em nada, e os que contenderem contigo, perecerão.
Buscá-los-ás, porém não os acharás; os que pelejarem contigo, tornar-se-ão em nada, e como coisa que não é nada, os que guerrearem contigo.
Porque eu, o Senhor teu Deus, te tomo pela tua mão direita; e te digo: Não temas, eu te ajudo.
Não temas, tu meu amado filho,  eu te ajudo, diz o Senhor, e o teu redentor é o Santo de Israel.

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém!

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm
FOTO: FREI RINALDO STECANELA
FEVEREIRO
D
S
T
Q
Q
S
S






1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo