24 DE JULHO - QUARTA-FEIRA - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

- SOMENTE EVANGELHO, SEM POLÍTICA -
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
VATICAN NEWS
Pesquisa rápida
Liturgia Diária

4ª-FEIRA DA 16ª SEMANA
TEMPO COMUM - COR: VERDE


1a Leitura
Ex 16,1-5.9-15

Eu farei chover para vós o pão do céu.

Leitura do Livro do Êxodo 16, 1-5. 9-15
1 Toda a comunidade dos filhos de Israel partiu de Alim e chegou ao deserto de Sin, entre Elim e o Sinai, no dia quinze do segundo mês da saída do Egito.
2 A comunidade dos filhos de Israel pôs-se a murmurar contra Moisés e Aarão, no deserto, dizendo:
3 'Quem dera que tivéssemos morrido pela mão do Senhor no Egito, quando nos sentávamos juntos às panelas de carne e comíamos pão com fartura! Por que nos trouxestes a este deserto para matar de fome a toda esta gente?'
4 O Senhor disse a Moisés: 'Eu farei chover para vós o pão do céu. O povo sairá diariamente e só recolherá a porção de cada dia a fim de que eu o ponha à prova, para ver se anda ou não na minha lei.
5 No sexto dia, quando prepararem o que tiverem trazido, terão o dobro do que recolhem diariamente'.
9 E Moisés disse a Aarão: 'Dize a toda a comunidade dos filhos de Israel: 'Apresentai-vos diante do Senhor, pois ele ouviu a vossa murmuração''.
10 Enquanto Aarão falava a toda a comunidade dos filhos de Israel, voltando os olhos para o deserto, eles viram aparecer na nuvem a glória do Senhor.
11 O Senhor falou, então, a Moisés, dizendo:
12 'Eu ouvi as murmurações dos filhos de Israel. Dize-lhes, pois: 'Ao anoitecer, comereis carne, e pela manhã vos fartareis de pão. Assim sabereis que eu sou o Senhor vosso Deus''.
13 Com efeito, à tarde, veio um bando de codornizes e cobriu o acampamento; e, pela manhã, formou-se uma camada de orvalho ao redor do acampamento.
14 Quando se evaporou o orvalho que caíra, apareceu na superfície do deserto uma coisa miúda, em forma de grãos, fina como a geada sobre a terra.
15 Vendo aquilo, os filhos de Israel disseram entre si: 'Que é isto?'Porque não sabiam o que era. Moisés respondeu-lhes: 'Isto é o pão que o Senhor vos deu como alimento.
Palavra do Senhor.


Salmo
Sl 77,18-19. 23-24. 25-26. 27-28 (R. 24b)

R. O Senhor deu o pão do céu, como alimento.


18 E tentaram o Senhor nos corações, /
exigindo alimento à sua gula.
19 Falavam contra Deus e assim diziam: /
'Pode o Senhor servir a mesa no deserto?'
R.


23 Ordenou, então, às nuvens lá dos céus, /
e as comportas das alturas fez abrir;
24 fez chover-lhes o maná e alimentou-os, /
e lhes deu para comer o pão do céu.
R.


25 O homem se nutriu do pão dos anjos, /
e mandou-lhes alimento em abundância;
26 fez soprar o vento leste pelos céus /
e fez vir, por seu poder, o vento sul.
R.


27 Fez chover carne para eles como pó, /
choveram aves como areia do oceano;
28 elas caíram sobre os seus acampamentos /
e pousaram ao redor de suas tendas.
R.


Evangelho
Mt 13,1-9

O semeador saiu para semear.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 13, 1-9
1 Naquele dia, Jesus saiu de casa e foi sentar-se às margens do mar da Galiléia.
2 Uma grande multidão reuniu-se em volta dele. Por isso Jesus entrou numa barca e sentou-se, enquanto a multidão ficava de pé, na praia.
3 E disse-lhes muitas coisas em parábolas: 'O semeador saiu para semear.
4 Enquanto semeava, algumas sementes caíram à beira do caminho, e os pássaros vieram e as comeram.
5 Outras sementes caíram em terreno pedregoso, onde não havia muita terra. As sementes logo brotaram, porque a terra não era profunda.
6 Mas, quando o sol apareceu, as plantas ficaram queimadas e secaram, porque não tinham raiz.
7 Outras sementes caíram no meio dos espinhos. Os espinhos cresceram e sufocaram as plantas.
8 Outras sementes, porém, caíram em terra boa, e produziram à base de cem, de sessenta e de trinta frutos por semente.
9 Quem tem ouvidos, ouça!'
Palavra da Salvação.
Fonte: Youtube RS21
Reflexão - Padre João Luís Fávero - Campinas (SP)

“O Senhor deu o pão do céu, como alimento.”
Mt 13, 1-9

Dispostos a se tornarem servidores do Reino, os discípulos não deveriam pensar que só encontrariam sucesso pela frente. Era preciso ser realista e, de antemão, dar-se conta da dinâmica do Reino. O sucesso, sem dúvida, viria, porém em meio a perdas e fracassos.

Jesus e os discípulos caminhando ao lado de terras nem sempre férteis e planas, Ele chama atenção para a semeadura. Este processo serviu para ilustrar o aspecto do Reino. O semeador, segundo o costume da época, lançava a semente ao deus-dará. Umas caíam à beira do caminho, outras, em terreno pedregoso, outras, no meio de espinhos.

A condição precária do terreno impedia que a semente desse frutos. Talvez chegasse a germinar e tentar crescer. Sua sorte, porém, era murchar e morrer. Enfrentam o terreno duro, pedregoso e cheio de espinhos.  Só uma pequena porção de semente caía em terreno fértil e chegava a frutificar. Mesmo assim, a colheita variava na base de cem, sessenta e trinta por um.

Nem por isso o semeador deixava de semear. Ele não se preocupa muito com o terreno.  Embora soubesse que boa parte da semente haveria de se perder, valia a pena continuar semeando. Ele semeia em toda a parte.

O discípulo do Reino, como o semeador, não pode deixar de semear a semente da Palavra de Deus, mesmo sabendo que seu trabalho não frutificará cem por cento. Ele deve contar com a perda inevitável. Ele deve saber semear em toda a parte. E a semente quando semeada, pode surpreender.  

Rezemos: Senhor, eu quero acolher a Palavra como um terreno fértil, afastando as pedras e os espinhos. E quero semear aquilo que também foi plantado em meu coração.

Deus abençoe você e sua família.
Bom dia. Deus abençoe sua vida nesta QUARTA-FEIRA  que estamos chamados a viver! Sim, tudo é dom! Que seja mais um dia Santo! Dia de oração, de gratidão, de luz, de entusiasmo, de forte espiritualidade. Como diz o Salmista: este é o dia que o Senhor fez para nós...Então viva com alegria, na presença de Deus.

Faze-me ouvir do teu amor leal pela manhã,
pois em ti confio.
Mostra-me o caminho que devo seguir,
pois a ti elevo a minha alma.
Salmo 143,8

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm







FEVEREIRO
DOM
SEG
TER
QUA
QUI
SEX
SÁB





1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
181920212223
2425262728

- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo