2ª-feira da 30ª Semana Do Tempo Comum - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

"Fiat Voluntas Tua"
Ir para o conteúdo
MISSAL > LITURGIA DO DIA
Liturgia de Hoje
2ª-feira
30ª Semana Do Tempo Comum
26 de Outubro de 2020
Cor: Verde






1A LEITURA - EF 4,32-5,8


Andai no caminho da caridade, como Cristo.


Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios 4, 32-5, 8

Irmãos:

32 Sede bons uns para com os outros, sede compassivos; perdoai-vos mutuamente, como Deus vos perdoou por meio de Cristo.

5,1 Sede imitadores de Deus, como filhos que ele ama.

2 Vivei no amor, como Cristo nos amou e se entregou a si mesmo a Deus por nós, em oblação e sacrifício de suave odor.

3 A devassidão, ou qualquer espécie de impureza ou cobiça sequer sejam mencionadas entre vós, como convém a santos.

4 Nada de palavras grosseiras, insensatas ou obscenas, que são inconvenientes; dedicai-vos antes à ação de graças.

5 Pois, sabei-o bem, o devasso, o impuro, o avarento - que é um idólatra - são excluídos da herança no reino de Cristo e de Deus.

6 Que ninguém vos engane com palavras vazias. Tudo isso atrai a cólera de Deus sobre os que lhe desobedecem.

7 Não sejais seus cúmplices.

8 Outrora éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor. Vivei como filhos da luz.

Palavra do Senhor.





SALMO - SL 1,1-2. 3. 4.6 (R. CF. EF 5,1))


R. Sejamos, pois, imitadores do Senhor, como convém aos amados filhos seus.


1 Feliz é todo aquele que não anda /
conforme os conselhos dos perversos; /
que não entra no caminho dos malvados, /
nem junto aos zombadores vai sentar-se;
2 mas encontra seu prazer na lei de Deus /
e a medita, dia e noite, sem cessar.
R.


3 Eis que ele é semelhante a uma árvore /
que à beira da torrente está plantada; /
ela sempre dá seus frutos a seu tempo, /
e jamais as suas folhas vão murchar. /
Eis que tudo o que ele faz vai prosperar,
R.


4 mas bem outra é a sorte dos perversos. /
Ao contrário, são iguais à palha seca /
espalhada e dispersada pelo vento.
6 Pois Deus vigia o caminho dos eleitos, /
mas a estrada dos malvados leva à morte.
R.





EVANGELHO - LC 13,10-17


Esta filha de Abraão, não deveria ser
libertada dessa prisão, em dia de sábado?


+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 13, 10-17

Naquele tempo:

10 Jesus estava ensinando numa sinagoga, em dia de sábado.

11 Havia aí uma mulher que, fazia dezoito anos, estava com um espírito que a tornava doente. Era encurvada e incapaz de se endireitar.

12 Vendo-a, Jesus chamou-a e lhe disse: 'Mulher, estás livre da tua doença. '

13 Jesus colocou as mãos sobre ela, e imediatamente a mulher se endireitou, e começou a louvar a Deus.

14 O chefe da sinagoga ficou furioso, porque Jesus tinha feito uma cura em dia de sábado. E, tomando a palavra, começou a dizer à multidão: 'Existem seis dias para trabalhar. Vinde, então, nesses dias para serdes curados, mas não em dia de sábado. '

15 O Senhor lhe respondeu: 'Hipócritas! Cada um de vós não solta do curral o boi ou o jumento, para dar-lhe de beber, mesmo que seja dia de sábado?

16 Esta filha de Abraão, que Satanás amarrou durante dezoito anos, não deveria ser libertada dessa prisão, em dia de sábado?'

17 Esta resposta envergonhou todos os inimigos de Jesus. E a multidão inteira se alegrava com as maravilhas que ele fazia.

Palavra da Salvação.





FONTE: YOUTUBE
Reflexão - Pe. João Luís Fávero
“Feliz quem na Lei do Senhor Deus encontra sua alegria”.
Lc 13, 10-17

Jesus ensina na sinagoga em dia de sábado. Até aqui, tudo normal. O que vem a seguir é o que causa o desconforto e deixa o chefe da sinagoga “indignado”. A cura de uma mulher encurvada.

O bem não escolhe dia e nem hora para ser realizado. A burocracia espiritual nunca funcionou com Jesus. Para Ele o que interessa é ver as pessoas recuperando a saúde, a dignidade humana, a alegria de voltar às suas atividades cotidianas, a aceitação diante da família e da sociedade. Isso é o que move Jesus.

Portanto, a cura dessa mulher, num sábado retrata a opção de Jesus pela vida. Ele cura uma mulher encurvada, símbolo dos oprimidos, invisível socialmente e inferiorizada pelos demais.

Uma mulher encurvada é incapaz de olhar para cima. Essa é a imagem do pecador diante de Deus: curvado sob o peso do seu pecado e encurvado de vergonha pela fraqueza de não vencer as tentações; encurvado sob o peso das estruturas que não favorecem a dignidade da vida.

Mas Jesus tem compaixão dos pecadores e oprimidos e lhes devolve a vida plena. Desmascara a incoerência dos “inimigos”, chamados de hipócritas: eles salvam os animais no dia do descanso sabático; porque Jesus não pode salvar uma “filha de Abraão”? Os inimigos de Jesus se envergonharam; e a multidão se enche de alegria “por todas as maravilhas que Jesus realizava”.

Rezemos: Senhor, livra-nos das prisões, das doenças e injustiças. Que ninguém mais fique encurvado! Vamos olhar para cima e encher nossa vida de esperança e de alegria.

Deus abençoe você e sua família.
Um Abraço,
Pe. João Luiz
Reflexão - Frei Rinaldo Stecanella, osm
Bom dia. Deus abençoe você nesse novo dia que está começando. Começamos mais uma semana.  Que seu dia seja muito abençoado e repleto de grandes alegrias. Deus está com você para acompanhar cada passo que você der hoje.

O Senhor é o meu pastor; nada me faltará.
Deitar-me faz em verdes pastos,
guia-me mansamente a águas tranquilas.

Salmo 23,1-2

Com carinho e bençãos
Frei Rinaldo, osm


Hoje às 19h00 começa nossa Novena de São Peregrino pelo nosso canal Do YouTube
- DEDICADO À VIRGEM MARIA -
Voltar para o conteúdo