Resposta do ICCRS e da CF - Liturgia Diária da Igreja Católica Apostólica Romana

- AD MAIOREM DEI GLORIAM -
Ir para o conteúdo
EXTRAS > CHARIS

Cidade do Vaticano, 09 de Novembro de 2015

Santo Padre Papa Francisco
Casa Santa Marta
00120 Cidade do Vaticano


Santo Padre,

Enviamos-lhe os nossos mais calorosos cumprimentos em nome de Jesus Cristo, nosso Senhor, no momento em que estamos reunidos para o 25º aniversário da Fraternidade Católica. Agradecemos vivamente a vossa mensagem fraterna à Fraternidade Católica nesta alegre ocasião.

Lamentamos por não ter ainda respondido às suas cartas dirigidas à Fraternidade Católica e ao ICCRS, que recebemos durante o 3° Retiro Mundial dos Sacerdotes em Junho. Infelizmente, desde então, não tivemos ocasião de nos encontrarmos.

Sua carta trouxe-nos um desafio surpreendente. Nós reconhecemos nela a orientação profética da Igreja para descobrir mais profundamente de que modo somos chamados a servir a corrente de graça da Renovação Carismática Católica.

Historicamente, seguindo as indicações contidas nos nossos respectivos estatutos, os dois presidentes têm trabalhado frequentemente em conjunto, dando testemunho de unidade na diversidade à toda a corrente de graça. Isso também inclui o trabalho comum na organização de Colóquios sobre os carismas em 2008, o Dia de Retiro para os sacerdotes em 2010 e o 3° Retiro Mundial dos Sacerdotes.

Estamos cientes de que agora o senhor nos pede para aprofundar a nossa comunhão e nosso serviço, de uma forma mais radical do que poderíamos ter imaginado. Este é certamente um momento crucial na nossa história, que terá suas consequências bem mais além do nosso Jubileu de 2017. Respondendo, portanto, ao impulso do Espírito através de suas palavras, dizemos-lhes na fé o nosso "Sim".

Comprometemo-nos a caminhar juntos em oração e discernimento, a fim de poder seguir esta nova indicação.

Estamos cientes de que este caminho envolve não só os responsáveis, mas todas as realidades as quais servimos. Estes necessitarão de tempo para se adaptar a este novo caminho; Por isso, sentimos a responsabilidade de preservar a unidade que foi construída ao longo dos anos, até os dias atuais. Ao avançarmos com a organização para o Jubileu, teremos várias reuniões em conjunto que nos darão a oportunidade de continuar com esta visão.

Santo Padre, agradecemos profundamente a sua preocupação e a orientação pastoral que nos oferece neste momento. Ficaríamos muito gratos se nos concedesse um encontro a fim de aprofundar o nosso diálogo e de partilhar pessoalmente os pormenores e os próximos passos a seguir.

Asseguramo-lhe as nossas orações e reafirmamo-nos a seu serviço na graça do Espírito Santo.


Michelle Moran
Presidente do ICCRS

Gilberto Barbosa
Presidente da Fraternidade Católica


PUBLICIDADE
- Totus Tuus -
Voltar para o conteúdo